Pensamentos.Cuidado com os pensamentos. "Orai e Vigiai" disse Jesus

Primeiro momento: distribuir às crianças  pedaços de papel celofane, em formato de coração, de diversas cores (preto, vermelho, amarelo, azul, transparente). Pedir que eles andem pela sala, olhando através do papel colorido, dizendo baixinho como se sentem, olhando o mundo através daquela cor. Após alguns minutos, as crianças devem trocar os pedaços de papel com os colegas, diversas vezes, até que todos tenham observado a sala com todas as cores de papel.

         Segundo momento: indagar:

          Enxergaram bem com todas as cores?

          Era mais fácil de ver com alguma cor? Por quê?

          Com qual cor gostaram mais? Por quê?

         Terceiro momento: O educador deve ajudar os alunos a concluir que era difícil enxergar através do preto, que tudo parecia triste; que através do amarelo as coisas pareciam ter cores que não possuem; que quanto mais escura a cor (vermelho, azul), mais difícil de ver; que através do papel celofane transparente era possível perceber melhor os objetos, os outros papéis coloridos e a expressão dos colegas. A idéia é comparar as cores com os sentimentos que temos: preto - tristeza; vermelho - euforia, agitação; azul claro - calma; transparente - paz, harmonia - melhor maneira de ver as coisas.

         Quarto momento: explicar que os papéis celofanes são em forma de coração simbolizando que cada pessoa vê a vida e o mundo conforme os sentimentos que possui. Por isso as pessoas percebem de diferentes maneiras as mesmas coisas, como se cada uma olhasse através de uma folha colorida diferente.

         Quinto momento: lembrar a importância do pensamento e das palavras, modos como expressamos os sentimentos que temos no coração. O pensamento positivo é um hábito que se adquire praticando. Através do pensamento é que se originam nossas atitudes, por isso a importância dos pensamentos otimistas. Pensamentos negativos, pessimistas, são como lixo: poluem a mente e o corpo, ocasionando sensações ruins.

         Mas como ter pensamentos bons? Procurando ver sempre o lado bom das coisas, escolhendo coisas construtivas para fazer, brincadeiras e conversas positivas (sem fofocas, brigas, brincadeiras de guerra ou filmes de terror) ser otimista. Perante as dificuldades nossas atitudes devem ser de fé e confiança em Deus, crença em si mesmo (nas capacidades que possuímos), oração e vontade de agir corretamente.

         Sexto momento: cada criança deve escrever, em pequenos pedaços coloridos de cartolina, sentimentos, pensamentos, atitudes e fatos positivos e negativos. Ao final, em uma folha de cartolina colar, de um lado, os sentimentos positivos e do outro os negativos, assim:
Paz
Tristeza
Alegria
Solidão
Conversar com os amigos
Fazer fofoca
Estar com a família
Não estudar para as provas

Desenhar nos quadradinhos um rosto feliz e um triste.


Comentários

Tania Mara disse…
oi,bem legal essa atividade,nossas crianças precisam mesmo desse tipo de interação,bjus

Declaração Universal dos Direitos da Criança.

Declaração Universal dos Direitos da Criança.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER.

Assista a animação da música Aquarela, de Toquinho.

Assista a animação da música Aquarela, de Toquinho.
CLIQUE NA IMAGEM PARA ASSISTIR.

ECOLOGIA PARA CRIANÇAS.

ECOLOGIA PARA CRIANÇAS.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER

LIVROS INFANTIS ILUSTRADOS ONLINE.

LIVROS INFANTIS ILUSTRADOS ONLINE.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER

Mozart para bebês.

Preservando a natureza.