“Tudo que temos é emprestado.”

Fonte da imagem:https://pixabay.com/pt/vintage-antigo-foto-rose-flor-1314057/

História. 

Jóias Devolvidas. 

Narra antiga lenda que um rabi, religioso dedicado, vivia muito feliz com sua família. Esposa admirável e dois filhos queridos. Certa vez, por imperativos da religião, o rabi empreendeu longa viagem ausentando-se do lar por vários dias. No período em que estava ausente, um grave acidente provocou a morte dos dois filhos amados. A mãezinha sentiu o coração dilacerado de dor. No entanto, por ser uma mulher forte, sustentada pela fé e pela confiança em Deus, suportou o choque com bravura. Todavia, uma preocupação lhe vinha á mente: como dar ao esposo a triste notícia? Sabendo-o portador de insuficiência cardíaca temia que não suportasse tamanha comoção. Lembrou-se de fazer uma prece. Rogou a Deus auxílio para resolver a difícil questão. Alguns dias depois, num final de tarde, o rabi retornou ao lar. Abraçou longamente a esposa e perguntou pelos filhos.,. Ela pediu para que não se preocupasse. Que tomasse o seu banho, e logo depois ela lhe falaria dos moços. Alguns minutos depois estavam ambos sentados á mesa. Ela lhe perguntou sobre a viagem, e logo ele perguntou novamente pelos filhos. A esposa, numa atitude um tanto embaraçada, respondeu ao marido: deixe os filhos. Primeiro quero que me ajude a resolver um problema que considero grave. o marido, já um pouco preocupado perguntou: o que aconteceu? Notei você abatida! Fale! Resolveremos juntos, com a ajuda de Deus. - Enquanto você esteve ausente, um amigo nosso visitou-me e deixou duas jóias de valor incalculável, para que as guardasse. São jóias muito preciosas! Jamais vi algo tão belo! - o problema é esse! Ele vem buscá-las e eu não estou disposta a devolvê-las, pois já me afeiçoei a elas. O que você me diz? - Ora mulher! Não estou entendendo o seu comportamento! Você nunca cultivou vaidades!... Por que isso agora? - É que nunca havia visto jóias assim! São maravilhosas! - Podem até ser, mas não lhe pertencem! Terá que devolvê-las. - Mas eu não consigo aceitar a ideia de perdê-las! E o rabi respondeu com firmeza: ninguém perde o que não possui. Retê-las equivaleria a roubo! - Vamos devolvê-las, eu a ajudarei. Faremos isso juntos, hoje mesmo. - Pois bem, meu querido, seja falta a sua vontade. O tesouro será devolvido. Na verdade isso já foi feito. - As jóias preciosas eram nossos filhos. - Deus os confiou à nossa guarda, e durante a sua viagem veio buscá-los. Eles se foram. O rabi compreendeu a mensagem. Abraçou a esposa, e juntos derramaram grossas lágrimas. Sem revolta nem desespero. As lições dessa história são: - Que ,tudo na nossa vida , pessoas ,coisas, trabalho, perna ,braço etc é emprestado,e como tudo que é emprestado, vai chegar o dia da devolução,e cabe a nós dizer aqui está senhor. - Pois a morte de um ente querido não deve ser vista, como uma perda ,e sim como uma devolução .0 que nos é emprestado não nos pertence. - Deus não nos toma nada ,nem ninguém, nós é que não aceitamos,que o que temos não nos é dado e sim emprestado. - os filhos são jóias preciosas que o Criador nos confia a fim de que as ajudemos a burilar-se. - Não percamos a oportunidade de enfeitá-las de virtudes. Assim, quando tivermos que devolve-las a Deus, que possam estar ainda mais belas e mais valiosas. 

Música. 

Só Hoje. 

Hoje eu preciso te encontrar de qualquer jeito. 
Nem que seja só pra te levar pra casa depois de um dia normal. 
Olhar teus olhos de promessas fáceis 
E te beijar a boca de um jeito que te faça rir. 
Hoje eu preciso te abraçar 
Sentir teu cheiro de roupa limpa 
Para esquecer os meus anseios e dormir em paz. 
Hoje eu preciso ouvir qualquer palavra tua 
Qualquer frase exagerada que me faça sentir alegria em estar vivo.
Hoje eu preciso tomar um café ouvindo você suspirar 
Me dizendo que eu sou o causador da tua insônia 
Que eu faço tudo errado sempre. 
Hoje, eu preciso de você com qualquer humor, 
Com qualquer sorriso. 
Hoje só tua presença vai me deixar feliz, 
Só hoje 



Música.

Compartilhar é cuidar 
Sempre dar, sempre perdoar 
E realmente viver em amor 
“Eu” e “meu” são palavras muito possessivas 
E se prender ao que possui não faz ninguém feliz 
Amor, sorrisos, simpatias são para se dar 
Pois a sua razão de ser é compartilhar.


 Atividade Integrada.


Caixa de Correspondência. 

Uma caixa de papelão especialmente pintada serve de caixa de coleta do correio, para a qual os educandos são incentivados a depositar por escrito suas queixas e problemas, para que toda a classe os discuta e reflita sobre as diversas formas de lidar com eles.

Fonte: http://www.projetovaloreshumanos.com.br/?secao=planos_de_aula 

Comentários

Poções de Arte disse…
Bom dia, Jeanne!

Que bela mensagem, me emocionei!
Perder um ente querido é sempre uma enorme dor e isso se intensifica muito quando o assunto é filho. Só Deus para consolar corações e dar sustento nessas horas. Se não for Ele, não conseguimos prosseguir.
Que sua semana seja lotada de bênçãos.
Abraços esmagadores.

Declaração Universal dos Direitos da Criança.

Declaração Universal dos Direitos da Criança.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER.

Assista a animação da música Aquarela, de Toquinho.

Assista a animação da música Aquarela, de Toquinho.
CLIQUE NA IMAGEM PARA ASSISTIR.

ECOLOGIA PARA CRIANÇAS.

ECOLOGIA PARA CRIANÇAS.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER

LIVROS INFANTIS ILUSTRADOS ONLINE.

LIVROS INFANTIS ILUSTRADOS ONLINE.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER

Mozart para bebês.

Preservando a natureza.