sexta-feira, 14 de outubro de 2016

No Reino do Faz de Conta.

Tire os pés do chão
e viaje no sonho.
Ligue a imaginação
enquanto componho.

Viaje num trem bala,
sem sair da sala.
Tira a fantasia
de dentro da mala.

O sonho se instala
com facilidade.
O perfume que exala
é de felicidade.

Tire os pés do chão
e entre no mundo
do faz de conta.

Lá tem sapo trapalhão,
cão vagabundo
e a bicharada apronta.

AJ Cardiais.

Fonte: http://ajinfantilidade.blogspot.com.br/p/poemas.html

2 comentários:

A.J. Cardiais disse...

Obrigado por divulgarem meu poema aqui neste blog. Abraços

A.J. Cardiais disse...

Obrigado por divulgarem meu poema. Abraços