O sapo sapeca.

O sapo sapeca caiu na caneca,
virou o café, em todo o pé,
croac croac,
croac croac,
pulava o coitado.
Derramou o açúcar,
pulou em cima da cuca,
saiu mais melado...
croac croac,
croac croac,
Fez tanto barulho,
o sapo azarado,
que a dona Bibi,
correu o coitado.
E deu vassouradas,
com força no chão
para o sapo assustar
sem nele tocar...
E tanto ela fez,
que o sapo infeliz,
pulou a janela,
quebrou o nariz...
croac croac,
croac croac,
O pobre amiguinho
aprendeu a lição
em casa dos outros
ninguém mexe não.

Jeanne Geyer

Para colorir:

Comentários

Declaração Universal dos Direitos da Criança.

Declaração Universal dos Direitos da Criança.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER.

Assista a animação da música Aquarela, de Toquinho.

Assista a animação da música Aquarela, de Toquinho.
CLIQUE NA IMAGEM PARA ASSISTIR.

ECOLOGIA PARA CRIANÇAS.

ECOLOGIA PARA CRIANÇAS.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER

LIVROS INFANTIS ILUSTRADOS ONLINE.

LIVROS INFANTIS ILUSTRADOS ONLINE.
CLIQUE NA IMAGEM PARA LER

Mozart para bebês.

Preservando a natureza.